ptzh-CNen

Curso de História da Arte Masculino | Feminino

Por: Fernando António Baptista Pereira

Local: Museu Arpad Szenes - Vieira da Silva (auditório)

Horário: 18h00 às 19h30

Preço: 10€ pessoa/ sessão

Inscrições: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Programa:

  • 23 de maio (18h): Sofonisba Anguissola e Lavinia Fontana num mundo de homens
  • 30 de maio (18h00): Baltazar Gomes Figueira e Josefa de Óbidos
  • 6 de junho (18h00): Diderot e Madame Vigée Lebrun
  • 13 de junho (Vieira da Silva em Festa | 14h00): Arpad e Vieira
  • 20 de junho (18h00): Manet e as Mulheres

Biografia:

Fernando António Baptista Pereira

 

Nasceu em Lisboa, em 1953. Licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, pós-graduado em Museologia pelo antigo Instituto Português do Património Cultural e doutorado em Ciências da Arte (História da Arte) pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. Ensina na Universidade de Lisboa (na Faculdade de Letras e na Faculdade de Belas-Artes) desde 1979, sendo atualmente Professor Associado na de Belas-Artes, onde desempenhou as funções de Presidente do Conselho Pedagógico (2006-2011), do Conselho Científico (2012-2017) e de Diretor do Centro de Investigação e Estudos em Belas-Artes (CIEBA), de 2010 a 2016, sendo também autor de Planos de Estudos de diversos Ciclos de Estudos dessa faculdade, designadamente da Licenciatura em Ciências da Arte e do Património e dos Mestrados em Museologia e Museografia e em Ciências da Conservação, Restauro e Produção de Arte Contemporânea.

É autor do Conceito e da Programação de vários Museus e de grandes Exposições nacionais e internacionais em Portugal, em Espanha, no Brasil e em Macau, assim como foi o responsável pela coordenação científica dos respetivos catálogos, destacando-se o Museu do Trabalho de Setúbal, Menção Honrosa do Prémio Museu Europeu do Ano, em 1997, e Prémio Museu do Ano, da Associação Portuguesa de Museologia, no mesmo ano, o Museu do Oriente (2008, Prémio Museu do Ano, da Associação Portuguesa de Museologia, em 2009) e o Museu Ibérico de Arqueologia e Arte de Abrantes (nomeadamente das suas exposições de Antevisão, 1, 2, 3 e 4, de 2009 a 2012).

Foi também o Comissário Científico da Exposição do Museu Hermitage de S. Petersburgo em Portugal («Arte e Cultura do Império Russo. De Pedro-o- Grande a Nicolau II», 2007) e o Revisor Científico da Nova História da Arte de Janson, publicada em Janeiro de 2010 pela Fundação Calouste Gulbenkian. É, desde 1 de Fevereiro de 2017, Adjunto do Sr. Ministro da Cultura para o sector dos Museus e do Património.