ptzh-CNen

China e América Latina no combate à epidemia da Covid-19.

Há exatamente 60 anos, a República Popular da China estabeleceu relações diplomáticas com o primeiro país latino-americano, dando início a uma jornada marcada por respeito mútuo e igualdade entre a China e América Latina. Em seis décadas, a parceria cresceu consideravelmente em todos os setores e criou um exemplo de solidariedade e cooperação entre nações em desenvolvimento. Essa relação intensificou-se ainda mais diante dos desafios impostos pela pandemia da Covid-19.

Com ações concretas, os dois lados demonstram que a China e a América Latina formam uma comunidade de futuro compartilhado. As comunicações mantém-se estreitas graças à tecnologia de internet. 

Desde o início da crise sanitária mundial, o presidente chinês Xi Jinping conversou, por telefone, com o presidente brasileiro e outros sete chefes de Estado da região, além de trocar 20 correspondências com autoridades de vários países latino-americanos. As ações viabilizaram importantes consensos para conduzir a parceria bilateral no enfrentamento dos desafios da pandemia. 

Ler artigo completo em:  UOL