ptzh-CNen

Instituto Cultural de Macau dá bolsas a quatro investigadores.

O Instituto Cultural (IC) de Macau atribuiu bolsas de investigação académica a quatro projectos, para estimular o desenvolvimento de estudos académicos originais, nomeadamente sobre o intercâmbio entre Macau, a China Interior e outros países.

Um dos bolseiros, Zhao Xinliang, do Centro de Investigação da Enciclopédia de Guangzhou, vai estudar as finanças públicas da Administração Portuguesa de Macau entre 1844 e 1911 e a sua relação com o intercâmbio cultural entre Macau, a China Interior e outros países.

O investigador português Pedro Manuel Sobral Pombo, da Universidade de Goa, na Índia, vai estudar o tráfico de trabalhadores chineses contratados e exportados de Macau para o estrangeiro no século XIX – também conhecidos como “cules”.

Num comunicado divulgado na quarta-feira, o IC revela que a Comissão de Selecção escolheu os quatro projectos entre 27 candidaturas, após consultar pareceres de um painel de especialistas.

Ler artigo completo em: Fórum China-PLP