ptzh-CNen

Imprensa alemã diz que Ocidente está a copiar silenciosamente o “modelo chinês”

O semanário alemão “Focus” publicou um artigo, no dia 6 de maio, no qual afirma que os países ocidentais estão a passar por mudanças institucionais silenciosas, como por exemplo, através do  aumento da participação do governo no mercado. Por trás disso está um facto que perturba o Ocidente: estamos a ir atrás da China com uma nova forma de capitalismo de Estado.

Segundo a publicação, na competição institucional com a China, o Ocidente não rejeitou o “modelo chinês”, mas respondeu com o “capitalismo de Estado.” O país está a tornar-se numa força motriz no processo de lidar com as mudanças climáticas, desenvolver veículos elétricos e digitalização. Hoje em dia, o Estado não apenas formula leis e regulamentos para empresas, mas também desempenha cada vez mais o papel de participante, entre outras. De acordo com o artigo, o exemplo secreto dessa mudança institucional silenciosa é o “modelo chinês.”

O artigo afirmou que isto é a mudança de sistema mais silenciosa na história do Ocidente. “Não temos que comemorar essa mudança, mas devemos conhecê-la. Somente aqueles que sabem o que estão a fazer podem desenvolver ideias melhores”, salienta a publicação.

CRI